Odontologia

O curso de graduação em Odontologia da FAESF assegura aos discentes sólida formação generalista, humanista e crítico-reflexivo. Competente no âmbito clínico e teórico, que busque ampliar e aplicar seus conhecimentos de forma correta e ética, estabelecendo relação entre saúde, ciência, tecnologia e sociedade.
Na FAESF, o aluno encontra o curso de Odontologia presencial com uma matriz curricular que acompanha as tendências do mercado. A metodologia de ensino é inovadora baseada em interações práticas e estudos de casos de forma simultânea.
Os professores têm vivência profissional, trazendo a realidade da carreira para as aulas. Com a integração do curso à Clínica e UBS Jasmina Bucar, a instituição de ensino oferece toda a infraestrutura necessária com laboratórios especializados e clínicas específicas em que os alunos fazem o atendimento ao público com supervisão docente em 100% dos atendimentos.
Durante o curso o aluno se dedica ao estudo da boca, mandíbula, maxilar e ossos da face. A estrutura curricular desta graduação conta com disciplinas de Anatomia, Implantodontia, Estética Dental, Endodontia Clínica, entre outras disciplinas de inserção imediata na prática profissional e mercado de trabalho.
A duração da graduação em Odontologia é de cinco anos, e o estudante realiza estágios que superam o mínimo 20% da carga horária total do curso, como determina o Ministério da Educação.

Mercado de trabalho

  • Consultório Privado;
  • Clínicas Privadas;
  • Sistema Único de Saúde- SUS;
  • Quadro Complementar de Oficiais das Forças Armadas.
  • Perito Criminal
  • Docência – Ensino Técnico e Superior
  • Funcionalismo Público em contexto geral de carreiras públicas municipais, estaduais e federais.
  • Pesquisa – Associado à empresas públicas ou privadas
  • Laboratórios de análises Clínicas – Patologias Orais
  • Clínicas de radiolgoia

Objetivos

Formar cirurgiões-dentistas generalista na área da odontologia, com sólida base de conhecimentos científicos, dotado de consciência reflexiva, humanista, com visão crítica e global da conjuntura econômica, social, política e cultural da região onde atua. O profissional formado deverá estar apto a exercer atividades referentes à saúde bucal da população pautado sobre princípios éticos, legais e traduzir as necessidades de indivíduos, grupos sociais e comunidade, utilizando racionalmente os recursos disponíveis e conservando o equilíbrio ambiental, resultando na transformação social de maneira benéfica.

Perfil do egresso

Considerando a importância do papel do profissional no contexto social, político e econômico do país, enquanto um profissional comprometido com os interesses e com os desafios que emanam da sociedade, e tendo como pressuposto básico, a ideia de que a formação profissional deve ter um caráter abrangente e eclético, a FAESF reconhece como imperativo capacitar profissionais com formação básica adequada, buscando dotá-los de uma visão crítica, com capacidade plena de avaliação e reavaliação de seu desempenho e de ajustamento, com competência, às novas exigências geradas pelo avanço científico e tecnológico e as exigências conjunturais em permanente evolução.

Dessa forma, o curso de bacharelado em odontologia da FAESF, enseja condições para que o futuro egresso seja apto a:

  • Respeitar os princípios éticos inerentes ao exercício da profissão;
  • Atuar em todos os níveis de atenção à saúde, integrando-se em programas de promoção, manutenção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;
  • Integrar-se a equipes multiprofissionais e interdisciplinares com extrema produtividade na promoção da saúde baseado na convicção científica, de cidadania e de ética;
  • Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;
  • Exercer a profissão de forma articulada ao contexto social, entendendo-a como uma forma de participação e contribuição social;
  • Conhecer métodos e técnicas de investigação e elaboração de trabalhos acadêmicos e científicos;
  • Desenvolver a assistência odontológica individual e coletiva;
  • Identificar em pacientes e em grupos populacionais as doenças e distúrbios buco-maxilo-faciais e realizar procedimentos adequados para suas investigações, prevenção, tratamento e controle;
  • Cumprir investigações básicas e procedimentos operatórios;

  • Promover a saúde bucal e prevenindo doenças e distúrbios bucais;

  • Comunicar e trabalhando efetivamente com pacientes, trabalhadores da área da saúde e outros indivíduos relevantes, grupos e organizações;
  • Obter e eficientemente gravando informações confiáveis e avaliá- las objetivamente;
  • Aplicar conhecimentos e para a compreensão de outros aspectos de cuidados de saúde na busca de soluções mais adequadas para os problemas clínicos no interesse de ambos, o indivíduo e a comunidade;
  • Analisar e interpretar os resultados de relevantes pesquisas experimentais, epidemiológicas e clínicas;
  • Organizar, manusear e avaliar recursos de cuidados de saúde efetiva e eficientemente;
  • Utilizar os conhecimentos de saúde bucal, de doenças e tópicos relacionados no melhor interesse do indivíduo e da comunidade;
  • Participar em educação continuada relativa a saúde bucal e doenças como um componente da obrigação profissional e manter espírito crítico, mas aberto a novas informações;
  • Contribuir para investigações científicas sobre doenças e saúde bucal e estar preparado para aplicar os resultados de pesquisas para os cuidados de saúde;
  • Melhorar a percepção e providenciando soluções para os problemas de saúde bucal e áreas relacionadas e necessidades globais da comunidade;
  • Manter reconhecido padrão de ética profissional e conduta, e aplicá-lo em todos os aspectos da vida profissional;
  • Estar ciente das regras dos trabalhadores da área da saúde bucal na sociedade e ter responsabilidade pessoal para com tais regras;
  • Reconhecer suas limitações e estar adaptado e flexível face às mudanças circunstanciais;
  • Colher, observar e interpretar dados para a construção do diagnóstico;
  • Identificar as afecções buco-maxilo-faciais prevalentes;
  • Propor e executar planos de tratamento adequados;
  • Realizar a preservação da saúde bucal;
  • Comunicar-se com pacientes, com profissionais da saúde e com a comunidade em geral;
  • Trabalhar em equipes interdisciplinares e atuar como agente de promoção de saúde;
  • Planejar e administrar serviços de saúde comunitária; e
  • Acompanhar e incorporar inovações tecnológicas (informática, novos materiais, biotecnologia) no exercício da profissão.

Com um perfil baseado na solidez dos conhecimentos científicos e na capacidade crítica, o curso de odontologia da FAESF forma bacharéis para a promoção da saúde bucal em todos os níveis de atenção à saúde do sistema vigente no país.

Titulação:
Bacharel
Duração:
5 anos (10 semestres)
Horários:
Diurno
ATO REGULATÓRIO:
Autorizado pela Portaria do MEC nº 199, de 02 de junho de 2016.
Coordenador(a)

Marina Holanda

E-mail: coordenacao_odontologia@faesfpi.com.br

Mestra Profissional em Odontologia na Área de Odontopediatria – Faculdade São Leopoldo Mandic – Campinas-SP
Graduação em Odontologia – Centro Universitário UNINOVAFAPI – Teresina-PI
Pós graduanda em Gestão de Pequenas e Médias Empresas – Universidade Federal do Piauí – Floriano-PI

Experiência Profissional

Atualmente é coordenadora de curso de Odontologia da Faculdade de Ensino Superior de Floriano - FAESF e administradora - Marina coelho Holanda - ME. Tem experiência na área de Odontologia, com ênfase em odontopediatria, atuando principalmente nos seguintes temas: odontopediatria, dente decíduo, desinfecção, traumatismo dentário e movimentação ortodôntica.
Membro do CONSEP – Conselho de Ensino Pesquisa e Extensão – FAESF
Membro da Comissão Científica do Conselho Regional de Odontologia do Piauí – CRO PI

Vantagens

Por que estudar na FAESF?

Formas de Ingresso

Vestibular

A FAESF realiza prova no 1º semestre para início em agosto e no 2º semestre para ingresso em fevereiro.

Nota do ENEM

Você pode utilizar sua nota do ENEM, a partir do ano de 2010, para ingressar na FAESF.

FIES

Ingresse na FAESF utilizando o Programa de Financiamento para Estudantes do governo.

ProUni

Ingresse na FAESF por uma bolsa no Programa Universidade para todos.

Transferência

Transfira seu curso para o FAESF e venha estudar na melhor Faculdade.

Portador de Diploma

Caso já tenha uma graduação e pretende cursar uma segunda, você pode ingressar na FAESF através dessa modalidade.

Chama no Whats
Como posso ajudar?
FAESF
Olá
Posso lhe ajudar?